Projeto Prótese Mão Amiga

O projeto de Pesquisa tem por objetivo desenvolver um curso teórico e prático sobre a fabricação de próteses com auxílio de impressora 3D. Esse projeto não tem por objetivo desenvolver próteses que possam ser utilizadas em situações reais, devido a problemas de segurança, entre outros. Para isso as próteses fabricadas em impressora 3D devem passar por testes de certificação, evitando qualquer tipo de acidentes que comprometam a segurança de usuários.

A mão humana é um órgão essencial para realizar as mais simples tarefas cotidianas, e assim quem sofreu uma amputação, ou que devido a alguma complicação congênita não apresente este membro, perde a capacidade de realizar um número enorme de tarefas. Próteses de baixo custo fabricadas com impressoras 3D possuem diversas qualidades interessantes: O processo de fabricação permite que qualquer pessoa com uma impressora 3D possa fabricar uma prótese; devido a facilidade de fabricação, qualquer peça que venha a quebrar pode ser substituida sem quaisquer problemas e próteses fabricadas com impressoras 3D tem a grande vantagem do seu preço, custando uma fração de próteses comerciais convencionais.

O objetivo do curso é divulgar a existência e o potencial que próteses fabricadas com impressoras 3D possuem. Aliado a esse objetivo principal, o curso busca também divulgar o que são as impressoras 3D e quais as suas principais funcionalidades. 

Figura 1: Impressora 3D GTMax H5.

 

Figura 2: Prótese Raptor Reloaded

Coordenador do projeto: Professor Rodrigo de Souza Vieira
Telefone: +55 48 3721-4015
e-mail: rodrigo.vieira@ufsc.br